Matérias escritas para o jornal do Sintest/RN

As matérias que escrevi estão nas páginas 8 e 9, são elas:

PEC 05/12, ANTIGA PEC 270, FOI APROVADA  NO SENADO  EM SESSÃO EXTRAORDINÁRIA

E

CASO PINHEIRINHO REACENDE DISCUSSÃO SOBRE O DIREITO À MORADIA

Clique aqui para ler o jornal.

Anúncios

Maurício Marques sanciona Lei que proíbe o uso de aparelhos celulares em bancos de Parnamirim

A lei de nº 1.560/2011 é de autoria do vereador Rosano Taveira (PRB) e foi aprovada por unanimidade na Câmara dos vereadores. Com o objetivo de combater os assaltos cada vez mais freqüentes entre clientes que saem dos bancos após realizarem saques, a Lei foi bem aceita pela população Parnamirinense.

“Infelizmente a mesma tecnologia de comunicação que serve para encurtar distâncias e agilizar contatos, serve também de ferramenta para facilitar as práticas criminosas”, lamenta o parlamentar.

A partir de agora a fiscalização deverá ser mais rígida, visto que as agências bancária têm o prazo de 90 dias a contar da publicação da Lei (20/12/2011), ou seja, até o dia 20 de março para se adaptarem às medidas, dentre as quais está a instalação de, no mínimo, três câmeras de vídeos externas nas imediações do estabelecimento, além de proporcionar atendimento reservado aos clientes nos caixas onde houver movimentação de dinheiro.

Os bancos ficarão obrigados a ceder essas imagens ao Poder Público, sempre que necessário e em caso de descumprimento, ficam passíveis de advertência, cassação do alvará de funcionamento e até fechamento da agência.

Matéria publicada no PortalPN.

Por que ter um mini coelho como animal de estimação?

Filhote da raça Mini Lop

Que eles são umas fofuras, ninguém duvida, mas você pode estar dizendo “coelhos roem tudo e ainda cavam que é uma beleza. Eles só vão dar trabalho!”.

– Errado!

Claro que, como qualquer outro animal, eles requerem cuidados, mas nada que te faça perder os cabelos [rsrsrs].

Antes de comprar um casal de mini-coelhos, tive que fazer uma pesquisa pra saber mais sobre essas criaturas lindas. Se você ficou curioso, aí vão algumas dicas de como criar um coelho, lembrando que eles podem até ser criados em apartamento! =)

Uma casa para um coelhinho

Podem ser criados em gaiolas, até para mantê-los livres de perigos como materiais tóxicos e fios elétricos, por exemplo, já que eles adoram roer. Quanto ao tamanho, para mini-coelho o ideal é 60 x 40 x 40 cm, e para raças médias pode ser de 80 x 60 x 60. É importante que eles não mantenham contato direto com seus dejetos, principalmente com a urina que possui amônia, podendo irritar as vias respiratórias.

Gaiola com bandeja, comedouro e espaço pra feno ou grama.

#Dica: É importante soltar seu coelho por um tempinho todos os dias para que ele se exercite. Se você mora em apartamento, é possível levá-lo para passear com uma coleira. (veja foto abaixo). Cuidado: Ao ar livre, mantenha seu coelhinho na sombra, protegido de chuvas, ventos e sol. Ele não tolera o calor intenso.

Coelho com coleira peitoral

Alimentação

O alimento ideal para um mini-coelho é ração peletizada, com proteína e outras vitaminas importantes para seu desenvolvimento saudável. Um mini-coelho adulto come 70 a 90 gr de ração por dia. Outros vegetais podem ser incluídos em sua alimentação, como folhas de couve, beterraba, cenoura, pimentão, salsa, coentro, cebolinha, milho verde, abacaxi, maçã, brócolis, a partir dos três meses de idade. Folhas de cor escura em geral são bem vindas, e evite as de cor clara: não ofereça alface para o coelhinho.
#Dica: Modere nas frutas doces, principalmente as guloseimas para roedores encontradas em pet shops, pois podem ocasionar cáries e obesidade devido ao alto teor de açúcar. Lave bem e seque as verduras e frutas antes de oferecer ao mini-coelho, e não o deixe em jejum. Por outro lado, não ofereça comida em excesso.

Ração peletizada

Ração peletizada

Água

Mantenha água limpa e fresca à vontade. O ideal é o uso de bebedouros automáticos, com bico, tipo os para hamsters e outros roedores. Isso evita que o coelhinho entre dentro de tigelas de água, derrube e ainda permaneça com as patinhas molhadas (o que pode gerar fungos na pele).

Bebedouros ideais

Brinquedinhos

Os coelhos adoram brincar. Vários brinquedos podem ser oferecidos, e evitam o stress e o tédio da gaiola, se ele não mora em lugar aberto. Não dê brinquedos de plástico, pois ele vai roer e pode engolir pedaços. Veja alguns bons brinquedos:
• Bolas com guizos (coelhos gostam de brinquedos que fazem barulhos);
• Caixinhas de papelão;
• Blocos de madeira atóxica (eles vão roer e isso é bom para gastar os dentes);

Ideal para desgastar os dentes, além de uma forma de distração para o coelho.

Ideal para desgastar os dentes, além de uma forma de distração para o coelho.

#Dica: Se for soltá-lo e ele correr à sua volta ou e até mesmo dar algumas mordidas em seus tornozelos significa que o coelho quer brincar e gosta de você.

Como segurar um coelho

Nunca o segure ou levante pelas orelhas, pois elas são frágeis e sensíveis. Isso pode provocar dor e machucar o animalzinho. Segure-o pelo dorso, pegando a pele, e não somente os pelos. Levante-o e imediatamente apóie as patas traseiras com outra mão, pois as patas penduradas conferem insegurança e ele pode espernear. Aconchegue-o no colo e ele se sentirá seguro.
Se for necessário mantê-lo de barriga para cima (para um exame ou limpeza, por exemplo), segure a pele do dorso junto com as orelhas – este procedimento mantém a cabeça ereta e vire-o, apoiando as costas do coelhinho. Mantenha as patas traseiras longe de você, porque ele pode chutar com força se se sentir ameaçado.

Comportamento

Correr e pular contorcendo o corpo é uma expressão de felicidade. Um coelhinho que vive em uma gaiola pode dar muitos saltos desse tipo quando é solto.

Jogar longe seus brinquedos e comedouros, Bater no chão com a pata traseira significa que estão nervosos.

Machos não castrados costumam marcar território esfregando o queixo nos objetos e com urina (você pode eliminar o cheiro de urina lavando o local com água e vinagre).

Coelhos com medo ou brabos podem abaixar o corpo e levar as orelhas para trás. Se ele virar de costas para você, é uma tentativa de ignorá-lo e significa que não quer conversar com você. Ele pode até recusar carinhos e guloseimas se estiver de fato magoado com você, nesse caso, tente a reaproximação mais tarde.

Coelhinhos cheirando tudo, com o pescoço esticado para a frente e as orelhas bem viradas para frente, estão curiosos e tentando descobrir coisas novas. Eles também podem ficar de pé para observar/ouvir melhor.

Coelhos podem pedir carinho (e comida) tão dramaticamente quanto cachorrinhos pidões. Eles olham para você atentamente, empurram você com o focinho, às vezes até mordiscam. Esticam a cabeça em sua direção, abaixando as orelhas.

Quando estão relaxados e tranqüilos podem deitar-se com a barriga para baixo ou mesmo de lado, com as patas traseiras esticadas. Eles também podem parar de mexer o focinho, relaxar a cabeça e fechar total ou parcialmente os olhos.

Essa é a Lumi, uma Lionhead.

Essa é a Lumi, uma Lionhead.

#Dica: Vários coelhinhos não gostam de ser virados de barriga para cima, nem ser afagados embaixo do queixo ou na barriga. Prefira acariciar a cabeça, testa, orelhas, ou carinhos longos (como escovações) da cabeça até o final das costas.

🙂 Então é isso gente!

Coelhos são muito fofos, mansos e carinhosos, além disso, eles não latem, não miam e nem fazem outros ruídos que incomodam, exceto quando se machucam e sentem dor, podendo gritar [mas, por experiência própria, isso é raríssimo].

Eduardo Laranjeira opera Parnamirim Field em Emaús e Parque Industrial

No Alpendre do PN desta manhã de quinta-feira (19), o jornalista Pinto Júnior entrevistou o empresário Eduardo Laranjeira que, após 11 anos na Trampolim da Vitória, agora opera a Parnamirim Field, atendendo os bairros de Emaús e Parque Industrial.

“Estamos felizes em poder oferecer o bom serviço, o bom atendimento e tendo um bom relacionamento com a populaçãode atendemos”, disse. Durante a entrevista, Eduardo informou que a Parnamirim Field está adquirindo novos ônibus para atender melhor aos usuários do transporte coletivo.

Sobre as vias laterais na BR-101, Eduardo opinou que a demora prejudica porque a frota de carros cresce rápido, enquanto as obras de mobilidade urbana são lentas.

A EMPRESA

A Parnamirim Field Transportes Ltda. começou a operar em dezembro de 2009 e surgiu surgiu após a saída de um dos sócios da empresa Trampolim da Vitória. Concentrando-se em duas linhas e cerca de 20 ônibus (linhas e ônibus até então pertencentes à Trampolim). Desde o inicio de suas operações, a Parnamirim Field conta com a parceria com a empresa Cidade das Dunas. A escolha do nome tem ligação com a história e sua área de atuação da empresa. No inglês “Parnamirim Field” quer dizer “Campo de Parnamirim”, que foi um dos maiores campos de aviação e base de operações militares dos Estados Unidos durante a segunda guerra mundial, em seguida tornando-se o Aeroporto Internacional Augusto Severo.

Matéria publicada no PortalPN.

Poda de cajueiro de Pirangi assusta visitantes e comerciantes

Na noite desta terça-feira, a poda de um cajueiro e a supressão de um oitizeiro causou um susto aos comerciantes e visitantes do ‘maior cajueiro do mundo’. A ação faz parte de um plano emergencial para garantir a preservação da árvore e melhorar o fluxo de veículos no local.

O presidente da Associação dos Moradores de Pirangi do Norte (AMOPIN), Francisco Cardoso, afirmou que com a retirada do oitizeiro e parte do cajueiro menor, quase 600 m² do terreno foram liberados, o que favorecerá a expansão do cajueiro maior.

O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do RN (IDEMA) supervisionou todo o trabalho, que durou cerca de duas horas e meia, com custo de R$ 3,5 mil pagos pela AMOPIN com fundos arrecadados com a visitação ao cajueiro. A Associação informou ainda, que reaproveitará a madeira retirada do oitizeiro em bancos e mesas a serem utilizados no próprio Cajueiro.

Dentre as ações previstas para este ano de 2012 está a construção de um caramanchão que consiste na forma de túnel em estrutura de concreto revestida com madeira sintética, o que vai permitir que os galhos ultrapassem a cerca do cajueiro em uma elevação de 4,5 metros, amenizando os transtornos causados ao trânsito local. Além disso, estima-se a construção do Complexo Turístico de Pirangi que vai complementar o Projeto de Proteção para requalificação da infraestrutura turística já existente, abrangendo salas para as lojinhas, o memorial do cajueiro, unidades de contemplação e passarelas suspensas que permitirão um passeio competo por dentro do cajueiro.

Matéria publicada no Portal Potiguar Notícias.